Prefeitura Municipal de Congonhas

Você sabia?
Imprimir Email

Institucional

Semana do Dia Mundial do Meio Ambiente gerou donativos e consciência

por Secom

14/06/2017 17:34

                          

Congonhas realizou eventos na semana do Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado no dia 5 de junho. A Prefeitura, por meio da Diretoria de Meio Ambiente, a ASCACON e o Grupo Escoteiro Cidade dos Profetas fizeram a sua parte e conclamaram os moradores da cidade a também fazerem a sua e a resposta foi positiva.

O Grupo Escoteiro Cidade dos Profetas participou do 26° MutEco (Mutirão Nacional Escoteiro de Ação Ecológica) , na sexta-feira, 10,  na praça JK. Com o apoio da Diretoria de Meio Ambiente, panfletou sobre Coleta Seletiva, doou mudas de árvores nativas cedidas pela Prefeitura e distribuiu para degustação quitutes à base de receitas da alimentação sustentável.  Foram preparadas pelos próprios escoteiros bolo de casca de cenoura, bolo de casca de laranja, bolo de casca de banana, brigadeiro de casca de banana, suco verde e suco de casca de abacaxi. O grupo de Congonhas conquistou o Certificado de Eficiência Ecológica, concedido pela União dos Escoteiros do Brasil.

O diretor presidente Marcelo Bastos ressaltou que, além da campanha de Ação Ecológica, foi realizada troca de ecobags cedidas pela Prefeitura por 112 litros de leite que foram doados para a APAE de Congonhas.

A Associação dos Catadores de Papel e Materiais Recicláveis de Congonhas (ASCACON) realizou na praça JK, na sexta-feira, 9, um evento de incentivo ao aumento da Coleta Seletiva. Catadores associados e o Grupo Escoteiro Cidade dos Profetas trocaram 64 ecobags por 120 caixas de leite, que foram doadas à Casa Abrigo. A ação faz parte do projeto "Educar para Reciclar 2017", da ASCACON. O Governo Municipal apoiou o evento, por meio da Diretoria de Meio Ambiente, e é parceiro o ano inteiro da associação, garantindo ajuda de custo a seus associados e oferecendo a usina de triagem para que os catadores separem e prensem o material que depois é comercializado, com o dinheiro ficando para a entidade fazer a manutenção necessária na usina.

“Ficamos muito satisfeitos com a adesão da população á campanha. Vamos repetir eventos como este, a doação de leite foi muito boa. Elas estavam curiosas sobre a Coleta Seletiva e sobre a ASCACON. Explicamos qual é o atual trajeto do caminhão da Coleta Seletiva, perguntamos se faziam a separação do material em casa. A maioria diz que ainda não fez disso ainda um hábito. As pessoas dizem que o caminhão tem passado nos horários marcados. Bom dizer que esta parceria com toda a Secretaria de Desenvolvimento Sustentável da Prefeitura tem nos sido muito produtiva”, diz a diretoria de Desenvolvimento Social da ASCACON, Vilma Cláudio, que está à procura de um patrocinador para o projeto de incentivo à Coleta Seletiva da associação.

A ASCACON foi também até às empresas mineradoras, como a FERRO +, onde ministrou palestra e oficina que ensinou a se fazer uma flor de garrafa pet para os homens oferecerem para a esposa ou namorada.

A diretora de Meio Ambiente da Prefeitura, Diana Sena, ministrou a palestra que leva o mesmo nome da campanha da ASCACON – “Educar para Reciclar” – em instituições de ensino de Congonhas, como a Escola Municipal Judith Augusta Ferreira, demonstrando aos alunos qual é o ciclo dos resíduos sólidos (lixo) após as pessoas o colocarem na porta de casa para a coleta. Ela os informou de todos os esforços e investimentos feitos nesta área pela Prefeitura e outras esferas de poder, o que inclui a Coleta Seletiva. O Governo Municipal se organiza para conclamar a população para juntos fazerem avançar a coleta de material reciclável, o que aumenta a vida útil do aterro sanitário da cidade, evita poluição e gera renda para os catadores.  



Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página