DESTAQUES DA SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE
Pilhas e baterias podem ser descartadas em coletores nas UBS’s de Congonhas

Pilhas e baterias podem ser descartadas em coletores nas UBS’s de Congonhas

Você sabia que para estimular o descarte consciente e contribuir com o Meio Ambiente, Congonhas tem pontos de coleta de...
Governo promoverá encontro de especialistas para desenvolver Plano Ambiental

Governo promoverá encontro de especialistas para desenvolver Plano Ambiental

Atualizado em 22/09 - A Prefeitura de Congonhas vai promover, em outubro, um encontro de especialistas e pesquisadores para tratar...
Prefeitura, MP e FEAM reúnem mineradoras para tratar sobre redução de poeira

Prefeitura, MP e FEAM reúnem mineradoras para tratar sobre redução de poeira

A Prefeitura de Congonhas por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, em conjunto com a Fundação Estadual do Meio...
No Edifício JK: Ventania altera o local de exposição sobre os ipês-amarelos

No Edifício JK: Ventania altera o local de exposição sobre os ipês-amarelos

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente da Prefeitura de Congonhas informa que 2ª Exposição de trabalhos artísticos sobre os ipês-amarelos...
Congonhas se prepara para o Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos

Congonhas se prepara para o Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matosinhos

Com a aproximação da festa do jubileu do Bom Jesus de Matosinhos, a Prefeitura de Congonhas, Secretarias e Departamentos estão...
Trabalhos artísticos sobre ipês-amarelos serão expostos na Praça JK na terça-feira, 30.

Trabalhos artísticos sobre ipês-amarelos serão expostos na Praça JK na terça-feira, 30.

O mês de agosto já vai chegando ao final e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural da...
Aceiros são realizados para evitar propagação de queimadas

Aceiros são realizados para evitar propagação de queimadas

Em agosto, com a baixa umidade relativa do ar, elevadas temperaturas e a falta de chuvas, a intensificação de queimadas...
Visite Congonhas: Parque Ecológico da Cachoeira é destino certo para lazer e turismo

Visite Congonhas: Parque Ecológico da Cachoeira é destino certo para lazer e turismo

Congonhas é reconhecida por seu conjunto barroco que atrai turistas de todo o mundo. Mas, além da parte histórica, a...
Aberta as inscrições para contratação de horas para o preparo do solo para plantio pela máquina agrícola

Aberta as inscrições para contratação de horas para o preparo do solo para plantio pela máquina agrícola

O solo tem um papel fundamental no desempenho da produtividade agrícola, pois ele armazena os nutrientes necessários para as plantas....
Campanha de vendas de pintinhos de várias linhagens

Campanha de vendas de pintinhos de várias linhagens

A Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural está realizando a campanha de vendas de pintinhos com 03 (três) dias...
  SECRETARIA MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE
Secretário:MARCELO JOSÉ NUNES MORENO
Endereço: Av. Júlia Kubitschek, 230, Centro
Telefone:
Gestão Ambiental: (31) 3731-5287| Ramal: 1116
Fiscalização Ambiental: (31) 3731-6524| Ramal: 1177
Núcleo de Inteligência Ambiental: (31) 3731-1300| Ramal: 1152
Horário de funcionamento:
Segunda a sexta-feira, das 12h às 18h

  COMPETÊNCIAS DA SECRETARIA

O Sistema Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - SISMAD de Congonhas possui uma estrutura moderna e capacitada para atender a demanda das políticas públicas ambientais.

Como órgão executivo, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente - SEMMA, promove os trabalhos necessários para desenvolvimento e implantação das políticas públicas municipais. Em caráter consultivo e deliberativo, o Sistema possui o Conselho Municipal de Meio Ambiente - CODEMA, instituído e composto de forma paritária entre representantes do poder público e da sociedade civil organizada.

Possuindo legislação ambiental própria (Lei nº 3.096, de 05 de julho de 2011) o Sistema ainda instituiu e regulamentou o Fundo Municipal de Meio Ambiente. Fazem parte da estrutura executiva da SEMMA a Diretorias de Gestão Ambiental - DGAM, que coordena, dentre outros, a Coleta Seletiva e os diversos programa ambientais municipais, e a Diretoria de Fiscalização e Controle Ambiental, que coordena o Departamento Fiscalização e Monitoramento Ambiental –DEFMA.

A estrutura executiva ainda conta com o Núcleo de Licenciamento Ambiental – NIA e a Coordenação de Áreas Protegidas, que integram as ações que são desenvolvidas para promover o equilíbrio entre a necessidade de desenvolvimento econômico, de preservação ambiental e ganho social.

A missão principal do sistema é promover o desenvolvimento sustentável, contribuindo para a qualidade de vida ambiental das presentes e futuras gerações.

-Coordenar e executar a Política Municipal de Meio Ambiente;

-Supervisionar as ações voltadas para a proteção ambiental;

-Zelar pela observância às normas de controle e proteção ambiental, em articulação com outros órgãos municipais, regionais, estaduais e federais;

-Identificar e criar mecanismos para uso responsável dos recursos naturais no município, com vistas à compatibilização das medidas preservacionistas e conservacionistas, conforme as diretrizes do desenvolvimento sustentável;

-Propor medidas de conservação e implantação de parques, praças e jardins, ações essas articuladas com as Secretarias de Desenvolvimento Sustentável, Gestão -Urbana e Obras, bem como as unidades de conservação de uso direto e indireto, sob jurisdição municipal ou compartilhada;

-Propor e coordenar, juntamente com os segmentos administrativos e institucionais competentes, o zoneamento ambiental no município, definindo suas abrangências, usos e interesses.

-Executar medidas de controle e precaução ambiental, gerenciando o licenciamento, a fiscalização e a avaliação dos empreendimentos de impacto, com colaboração dos demais órgãos municipais e demais integrantes dos sistemas estadual e nacional;

-Propor, quando necessário, a reformulação da legislação ambiental do Município;

-Propor normas complementares de orientação e organização ambiental, por meio de resoluções, que terão sua validade imediata após aprovação do CODEMA;

-Fomentar, por todos os meios, alternativas à implantação de barragens de contenção de rejeitos de mineração, com a finalidade de promover a preservação do meio ambiente e a redução dos impactos ambientais gerados por estes tipos de empreendimentos;

-Exercer o poder de polícia às atividades causadoras de impactos ambientais, poluição atmosférica, hídrica, sonora e do solo; à mineração, ao desmatamento e as agressões à fauna e a flora;

-Incentivar a educação ambiental e promover o conhecimento científico com intuito de formular e implementar políticas de meio ambiente e recursos naturais;

-Orientar, analisar e decidir sobre processo de autorização e licenciamentos ambientais, ressalvada as competências de outros órgãos, dando ciência ao Executivo;

-Nos termos da lei, determinar medidas emergenciais, mesmo que por precaução, relacionadas à redução ou suspensão de atividades que causam grave e iminente risco à vida humana, ao meio ambiente ou situações de evidente prejuízo econômico para o Município, que envolvam o uso ou exploração de recursos naturais;

-Requerer informações, avaliar, opinar, submeter, emitir notas técnicas, convocar reuniões ou audiências públicas sobre processos de licenciamentos, autorizações ou licenças ambientais de empreendimentos que possam causar significativos impactos ambientais;

-Promover a ecoeficiência por meio da criação de mecanismos de incentivo e certificação quanto a utilização de tecnologias limpas, práticas sustentáveis e uso racional dos recursos naturais;

-Implementar a elaboração de planos, programas, pesquisas, projetos e atividades para implementação da política ambiental, além de propor ajustamento de condutas;

-Coordenar as atividades de controle ambiental, gerenciando o licenciamento ambiental, a fiscalização e a avaliação dos empreendimentos de impacto, com colaboração dos demais órgãos municipais;

-Coordenar, executar e monitorar estudos e projetos de desenvolvimento ambiental;

-Coordenar, normatizar, monitorar e avaliar a qualidade ambiental do Município;

-Coordenar, normatizar e monitorar a política de áreas verdes e de arborização do Município e desenvolver estudos e projetos sobre a matéria;

-Coordenar a elaboração da proposta de legislação ambiental do Município;

-Coordenar, normatizar, monitorar e avaliar a fiscalização de controle ambiental no Município.