DESTAQUE EM CONGONHAS

Prefeitura faz parceria com Google para auxiliar na Educação

Por Secom - 20 de setembro de 2021

A Prefeitura de Congonhas, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SEMED), implementou a plataforma Google For Education com objetivo de ampliar as possibilidades do ensino com novas ferramentas desenvolvidas para auxiliar professores e alunos. Assim, foi celebrada uma parceria entre a Prefeitura e a empresa Google, que disponibilizou os programas gratuitamente ao Município.

A nova plataforma desenvolvida pela gigante de tecnologia reúne várias ferramentas como Google Docs, Gmail, Google Classroom, Google Meet dentre outras, com objetivo de auxiliar no processo educacional em todo o mundo. Trata-se de um aprimoramento que se impôs diante da pandemia do novo coronavírus que levou grande parte da população mundial para o teletrabalho e ensino remoto.

De acordo com Ricardo Pace, Coordenador de Tecnologias Educacionais da SEMED, a plataforma Google For Education consiste em um pacote de serviços sendo que o principal deles é uma sala virtual e online onde professor e os alunos são inseridos com recursos para videochamadas e publicação de arquivos, com exercícios, por exemplo. O aluno também pode devolver estes arquivos com as tarefas resolvidas para o professor, tornando-se um ambiente virtual de aprendizagem. Ricardo salienta que o processo aumenta a segurança dos dados, pois não há perda dos documentos, além de não ocupar espaço de memória nos aparelhos utilizados, já que a plataforma utiliza arquivamento em “nuvem”*.

Ricardo explicou que o processo de parceria começou no mês de abril deste ano e em maio deu-se início a implantação e treinamento dos novos usuários, sendo que a primeira unidade de ensino foi a Escola Municipal José Monteiro de Castro. Depois disso, o curso para treinamento foi aperfeiçoado e seus oito módulos foram apresentados ao restante dos professores da rede municipal de ensino no mês de junho, perfazendo mais de 700 profissionais capacitados até o mês de junho.

Antes, as aulas estavam sendo transmitidas via aplicativo WhatsApp, que não dá muitas opções para professor e aluno. Assim, ao migrar para a nova plataforma, o ganho pedagógico é ainda maior. “O WhatsApp é uma ferramenta que nos ajudou muito até o momento, mas sua base foi desenvolvida para comunicação e não para educação. A nova plataforma vai trazer um salto de qualidade, não somente para o momento de ensino remoto, mas também nos apropriando de todo avanço da tecnologia para educação, que será utilizado no momento das aulas presenciais”, analisa Ricardo.

Os alunos também receberam as instruções para acessar as novas ferramentas com nome de usuário, senha, e-mail e número telefônico para suporte em caso de dúvidas. Ao mesmo tempo, a plataforma pode ser acessada de qualquer computador ou celular que estiver conectado à internet. Ricardo lembra que alguns problemas podem ocorrer na transição de um sistema para o outro, mas que todos os profissionais de tecnologia da informação da Secretaria de Educação estão atentos para realizar os ajustes necessários e dar solução com rapidez.

* O QUE É ARMAZENAMENTO EM “NUVEM”?

Armazenamento em nuvem é um modelo de armazenamento de dados de computador no qual os dados digitais são armazenados em pools lógicos, ditos “na nuvem”. O armazenamento físico abrange vários servidores, e o ambiente físico normalmente pertence e é gerenciado por uma empresa de hospedagem.

Esses provedores de armazenamento em nuvem são responsáveis ​​por manter os dados disponíveis e acessíveis, e o ambiente físico protegido e funcionando. Pessoas e organizações compram ou alugam capacidade de armazenamento dos fornecedores para armazenar dados de usuários, organizações ou aplicativos.

Por Daniel Palazzi – SECOM – Prefeitura de Congonhas