DESTAQUE EM CONGONHAS

Prefeitura implanta GIDE em 2022 e desenvolve um trabalho focado na gestão para resultados pedagógicos; em 2024 todas as 30 escolas municipais serão atendidas pelo projeto

Por Secretaria Municipal de Comunicação e Eventos - 27 de fevereiro de 2024

A Prefeitura de Congonhas implantou, no início de 2022, o projeto Gestão Integrada da Educação (GIDE) com o objetivo de implementar soluções gerenciais “Gestão para Resultados Pedagógicos. Com a GIDE é possível desenvolver nas pessoas o foco em resultados e estimular o trabalho em equipe com a finalidade de obter ganhos significativos de qualidade e produtividade.

O método baseia-se no PDCA – método gerencial de solução de problemas e conquista de metas. Em 2023, 25 escolas da rede municipal de ensino, que atendem alunos dos anos iniciais e finais (6 a 14 anos – 1º aos 9º anos), executaram a solução gerencial com mais de 5 mil estudantes.

Todo o trabalho é desenvolvido de acordo com a trilha gerencial: diagnosticar, definir metas, elaborar plano de ação, executar os planos, verificar as ações, efetuar ação corretiva, se necessário, e criar banco de dados de práticas de sucesso.

GIDE
De acordo com informações da Secretaria de Educação, a Gestão para Resultados Pedagógicos permite identificar e resolver os problemas educacionais, com foco nas causas fundamentais, por meio de ferramentas gerenciais. Com isso, a GIDE proporciona um salto de qualidade nos resultados pedagógicos com ênfase em melhorar significativamente as avaliações internas e externas, assim como, os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

AVANÇOS
Em 2024, a Prefeitura de Congonhas vai implantar o GIDE em todas as 30 escolas da rede municipal e trabalhar com todos os segmentos, com a inclusão da educação infantil que abrange as crianças de 0 a 5 anos. Neste ano foram realizadas, juntamente com os consultores da Fundação e Desenvolvimento Gerencial (FDG), reuniões para a elaboração de “Planos de Ação”, de acordo com os resultados alcançados em 2023.

O secretário de educação, Rodrigo Mendes, explicou que “por meio do plano foram estabelecidos os indicadores a serem trabalhados, assim como, a definição de metas e prioridades específicas de cada segmento e escola. Nosso objetivo é de elevarmos ainda mais a qualidade do ensino, identificando e trabalhando com variáveis que influenciam, efetivamente, nas competências cognitivas”.

Por: Letícia Tomaino / Fotos: SEMED